expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>>>'>

3.7.16

A HOTELARIA DO FUTURO



O QUE QUEREM OS HOSPEDES DAS GERAÇÕES Y E Z






A HOTELARIA DO FUTURO

O peso das Gerações


A hotelaria atual é feita sob medida para os chamados, nascidos durante os anos 1970, quer dizer, os que atualmente,  estão chegando ou passando dos 30 anos. Mesmo que seja uma Hotelaria moderna e padronizada, não atinge mais o objetivo de atender e até superar os anseios e necessidades dessa geração, de 2000 para 2016, muito mudou....hoje quem dita o futuro para a hotelaria, são os Centennials, que situam-se entre a adolescência e os 20 anos.

Mas o que querem?

Essa geração é realista e portanto simplista e anseiam, como hospedes, 

um básico, como o (bem melhor realizado), com o uso do sustentável, 

assim como generosidade e uso inteligente dos recursos a seu favor.

Segundo a CONSULTORIA MAPIE, de CAROLINA HARO & TRICIA E 

NEVES
, em atual pesquisa sobre a hotelaria, no BRASIL, sinaliza algumas 
tendências, que já ocorrem em todo o mundo.

SEGUNDO ELAS;
A economia compartilhada e a tecnologia é que vão ditar as regras da hotelaria do futuro, que por sinal, já se evidencia nos dias atuais.
Nestas PESQUISAS, fica claro, que os hospedes de hoje, dão muito valor a um serviço de qualidade e a entrega perfeita do que chamamos de básico (DEFAULT), exemplo disso; são o café da manhã, boa ducha, boa cama, Wi Fi Gratuito e veloz. Ressaltando para o hospede médio, que não quer o excesso, que seria a DECORAÇÂO do ambiente e serviços que não precisará, mas que se encontra embutido na diária paga.

A economia COMPARTILHADA ou COLABORATIVA, é uma verdade atual e trás, consequências ao do Turismo. Neste sentido a ECONOMIA COLABORATIVA, cria MODELOS DE NEGÓCIOS, que objetiva conquistar, essa nova GERAÇÃO Y E Z,os chamados MILENNIALS, nascidos depois de 1980 e CENTENNIALS, nascidos posteriormente a 1995,inovando os MODELOS DE NEGÓCIOS tradicionais, no atual modelo, a economia compartilhada, agrega novos indivíduos, abertos a troca de experiências a troca de contatos e reúne pessoas com mesmas afinidades, o melhor disso é a pratica de custos mais acessíveis e simples, explica:

A empresa (site) AIRBNB  é um modelo de sucesso, dessa economia, com apenas 9 anos, o site de aluguéis que trabalha com temporada, é a maior REDE DE HOSPEDAGEM do mundo e ocupa a 3ª posição de STARTUP mais valiosa do mundo.

Nas DÉCADAS anteriores, um Hotel inovava, quando mudava um carpete por exemplo, mas atualmente necessita:

  • Inovar;
  • Atualizar para a geração Multifuncional, Multigeracional e Ultraconectada;
  • Combater novas concorrências.

No dizer segundo a pesquisa de MAPIE, além de garantir hospitalidade, básica, porém consistente é preciso manter a estrutura impecável, a segurança Virtual e física. Além disso, a necessidade de produtos dirigidos á famílias, sendo as suítes DIMENCIONADAS e amenidades de cozinhas, que sinaliza a fácil tarefa de hospedar famílias ou entre amigos é uma TENDENCIA da indústria de VIAGENS & TURISMO no Mundo.

A Hotelaria do futuro será conectada com as transformações que decorrem com as diferentes gerações, e estará aberta a novos MODELOS ex: Multiplicidades de UH’S, distribuídos aleatoriamente na Cidade.

1    
ITENS MAIS IMPORTANTE DO PERFIL DE VIAJANTE A TRABALHO,OU LAZER na escolha de um hotel:



88,81%                                                  Localização                                       85,40%
84,25%                                                    segurança                                        87,46%   
80,84%                                 qualidade dos serviços                          86,13%
78,94%                             facilidade reserva\compra                     80,24%
78,94%              experiências anteriores\positivas                  81,86%
75,52%                                              boa reputação                                     83,93%
71,96%                                                           preço                                              9,35%
55,96%                                 qualidade\estrutura                               83,19%
56,36%                                                autencidade                                      62,45%
38,47%                                  marca reconhecida                                  43,21%


1

)      PREFERENCIAS DO PERFIL DO VIAJANTE A TRABALHO OU LAZER SOBRE A ESTRUTURA:
        

             
         TRABALHO                                                                         LAZER


Designer moderno\atraente 44,87%                         45,25% designer moderno\atraente
Ambientalmente sustentável 44,14%                        42,55% estrutura ambientalmente sust.
Sala,pequenas reuniões  40,48%                                    39,72 % lobby contemporâneo\espaços Social
Restaurante integrado\lobby                                       33,52    36,60%  área verde
Fitness center completo  32,78%                                    32,91%   piscina



1)       PREFERENCIAS DO PERFIL DO VIAJANTE A TRABALHO OU LAZER
SOBRE OS SERVIÇOS:


                TRABALHO                                                                           LAZER


Internet wi-fi\alta qualidade  92,58%   85,14%  internet wi fi alta qualidade
Internet wi fi gratuita                91,69%      83,84%  internet wi fi gratuita
Café manhã incluído na diária  78,56%  82,39%  café manhã incluído\diária
Café\manhã alta qualidade  69,13%        78,50%  café\manhã alta qualidade
Opção\alimentação saudável   60,45      74,14% café da manhã farto




1)       PREFERENCIAS DO PERFIL DO VIAJANTE A TRABALHO OU LAZER SOBRE ITENS + IMPORTANTES NO APARTAMENTO:


       

TRABALHO                                                                                LAZER   



78,82%                                   cama grande                                             85,07% 
76,95%                                         silencio                                                   76,01%
73,05%                             ducha alta pressão                                   77,97%
65,98%                        abundancia de tomadas                             61,30%
58,55%                    enxoval de alta qualidade                         65,79%



Entendo MILLENNIALS & CENTENNIALS


O estudo realizado pela MAPIES, sinaliza que os Centenials (geração Z),fazem uso de até 5 telas, sendo visuais, as imagens é que importam, valorizam a privacidade pessoal, são realistas e labutam para obterem sucesso.

Já os MILLENNIALS, (geração Y), fazem o uso de 2 telas, trabalham com o objetivo de serem reconhecidos, são positivos, preferem o texto, e gostam de superexposição.



CONCLUSÃO:


Em Décadas que virão, segundo as sócias da MAPIE, a hotelaria se resumirá em composição 

de hotéis como NEW padrão e meios de hospedagens sem frescura, impecáveis e 

tecnológicos, isso para os MILLENNIALS e TECNOLÓGICO para os CENTNNIALS. Dessa 

forma a personalização terá sentido, desde que real, sem artificialismos, linkada a 

experiência única. Podem ocorrer que REDES HOTELEIRAS, passem a administrar 

apartamentos “rateados”, pela cidade com a oferta de cama confortável, wi-fi veloz, ducha potente e serviço de limpeza.

Somando-se a isso tudo, os espaços comuns dos hotéis, deverão agregar, cozinha 

comunitária, café ,galeria de arte,co-Working e área de uso coletivo e integradas.

Como já se sabe, a tecnologia é a  responsável pelas interações, jà  acontece atualmente de o 

CHECK –IN,CHECK-OUT, e solicitações, serem realizados Via APLICATIVOS.(veja HOSTAB) o APLICATIVO desenvolvido por( Jonathan Martins & Lucas Daniel Lourenção Garcia: (011) 98421-8118), clique neste link: http://www.hotelselmamota.com.br/p/blog-page_3248.html   sem o uso da interação humana.

Quanto aos hotéis padronizados, sobreviverão, mas para tanto precisam atualizar sua 

estrutura, além do quesito segurança, atender os critérios básicos de um MEIO DE 

HOSPEDAGEM, concluí a pesquisa.

O estudo foi realizado em SETEMBRO DE 2015  a JANEIRO de  2016,com 905 

respondentes de todas as regiões do BRASIL, faixa etária de 26 a 60 anos, o elevado nível 

educacional perfis e gerações diferentes, que viajam com frequência com foco nas CLASSES A & B.



Referências Bibliográficas: Diário PANROTAS 2ªEdição na WTM Latim America,30 de Março de 2016.






INTERCAMBIO CULTURAL,TODOS PODEM



COMO SABER O MOMENTO IDEAL PARA SE FAZER UM INTERCAMBIO





Você sabia que experiência no exterior traz resultados positivos na vida pessoal de um aluno?. Tem aumentado e muito o intercâmbio cultural entre os brasileiros em diferentes destinos no mundo afora.
Mas a questão é: Qual o momento mais adequado ?.

Viajar para ganhar experiencias.
Crèdito foto: site tudo de intercambio

·    
  •   Fazer a viajem durante o ensino médio?
  • Fazer a formação do segundo Grau e viajar antes de entrar na faculdade?
  • Trancar a faculdade e ficar um período fora do País ? Ou esperar a formatura?
  • É possível entrar no Mercado de trabalho e fazer um curso no exterior em período de férias, ou um curso pago pela empresa?
  •  Dá para reservar um período aos sábados ou realizar o sonho durante a aposentadoria?


UFA, VAMOS LÁ!

Antes de tudo, é preciso analisar esse quadro e depois estabelecer o objetivo dessa viagem.


ENSINO MÉDIO


Normalmente o aluno da HIGH SCHOOL, decide isso junto a seus pais. É 

importante pesar na balança o nível do inglês, a maturidade, e período para a 


viajem, sem prejudicar os estudos no BRASIL, também definir o tempo de 


estadia no País, que habitualmente é de 6 meses a 1 ano.


ADIAR O INICIO DA FACULDADE ?


È uma opção muito comum entre os jovens, para os que estão em dúvida, é 

uma escolha assertiva. A experiência do intercambio traz mais segurança, 


quando o aluno iniciar na Universidade, quando do retorno ao BRASIL, ou pode 


–se optar pela graduação no exterior.

Outra escolha usual entre as pessoas é para quem precisa melhorar o segundo 


idioma e não encontra o tempo disponível para isso, o curso pode ser realizado 


no período de férias da faculdade ou do trabalho, bastando que o aluno se 


dedique, e mesmo nesse curto espaço de tempo, pode ser benéfico.


Alunos que fazem Intercambio
Crèdito foto: i Stock site tudo sobre intercambio


O ALUNO PODE NESTA VIAGEM...
  •       Chegar a objetivos específicos;
  •    Aprimorar outro idioma;
  •    Fazer um curso em sua área de atuação, e expandir os limites;
  •    Conhecer novas culturas, buscar novas possibilidades;
  •   Isso é dirigido a todas as faixas etárias de aluno.

PARA OS APOSENTADOS:


Os que não tiveram a oportunidade de realizar um intercambio, quando jovem, 

visualizam faze-lo na aposentadoria, esse sonho. O intercâmbio cultural vem 


num crescente para as pessoas dessa faixa etária. Alguns Colégios ofertam 


esses cursos específicos para esse público.


MAS COMO  ISSO SERÁ FEITO?QUAL A MELHOR EMPRESA A ESCOLHER?


Bem, independente do quadro, é importante procurar uma agencia seria e 

fortalecida no Mercado, para esse suporte ao aluno.

Os Consultores educacionais, são mais bem indicados para sanar as dúvidas e 


colaborar no planejamento do intercâmbio cultural.


CONCLUSÃO

Lembra das questões levantadas no início do texto?

Sim, não há formulas prontas, quando se trata de fazer um intercâmbio, 

não há certo ou errado. O que vale, é o momento adequado para cada fase 

que a pessoa está vivendo e que esta opção atinja um ou mais objetivos.

Um bom PLANEJAMENTO pode fazer o aluno atingir o sonho do intercambio e receber resultados positivos.



Referência: BrasilTuris Jornal Informativo Turístico, Set. 2014.




visitantes

Google+ Followers

Seguidores